Bem vindo ao site da SPEA - sociedade portuguesa para o estudo de aves

Opções do site

Subscrever Newsletter

Outras opções do site

Pesquisar no site

Data actual

Principais opções do site

Dezembro 2018
D
S
T
Q
Q
S
S
 
 
 
 
 
 
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
 
 
 
 
 
A Nossa Missão
A SPEA é uma ONG de ambiente sem fins lucrativos, que tem por missão trabalhar para o estudo e a conservação das aves e seus habitats, promovendo um desenvolvimento que garanta a viabilidade do património natural para usufruto das gerações futuras.
Notícias


Ministros da agricultura da EU deixam ambiente à porta


Os ministros da agricultura da União Europeia estão esta semana reunidos em Viena, para discutir a próxima reforma da Política Agrícola Comum (PAC). De fora ficaram, mais uma vez, as organizações de defesa do ambiente.

Nestas reuniões informais dos ministros da agricultura europeus, é frequente os representantes das produções mais intensivas e poluidoras terem acesso privilegiado, enquanto as organizações de defesa do ambiente são barradas.

Ainda assim, a European Environmental Bureau (EEB), a BirdLife Europe (representada em Portugal pela SPEA), a WWF e a Greenpeace emitiram, às margens da reunião, um parecer exortando os ministros a fazer com que a próxima política agrícola comum apoie a transição para a agricultura sustentável. Estas organizações exigem que a reforma da política agrícola europeia inclua financiamento para a proteção da natureza, o fim dos subsídios perversos à agricultura intensiva, garantias de que as leis ambientais sejam aplicadas no terreno, e o envolvimento das autoridades ambientais nas decisões.

Todos os anos, 60 mil milhões de euros dos contribuintes europeus são gastos em subsídios da Política Agrícola Comum, que financiam sobretudo agricultura intensiva. Recentemente, uma avaliação concluiu que este sistema de pagamentos diretos é mau para o ambiente, a sociedade e a economia, com efeitos nefastos ao nível da qualidade de vida das pessoas, recursos hídricos, biodiversidade, entre outros.

A consulta pública realizada o ano passado sobre a Política Agrícola Comum demonstra que os cidadãos europeus querem que a próxima PAC dê prioridade à defesa do ambiente e qualidade de vida dos europeus. 

É tempo de os ministros da agricultura da UE deixarem de fazer ouvidos moucos ao povo europeu.  


Foto: Imagem da capa do parecer das organizações europeias de defesa do ambiente © BirdLifeEurope

26 de setembro de 2018




Política de privacidade, adicione aos favoritos, sugira este site © 2010 spea - Todos os direitos reservados.
Seara.com