Tipo Censo

local_icon Local Madeira, Açores, Portugal Continental

experiencia_icon Grau de Experiência Observador Experiente

Datas 1 abril a 31 maio

Tempo Necessário aprox. 2 manhãs

Tendo em consideração a situação atual da COVID19 em território nacional e a declaração do estado de calamidade, a SPEA recomenda a todos os seus colaboradores e associados que continuem a seguir as orientações das autoridades, sobretudo no sentido de respeitarem as regras de distanciamento físico e o dever cívico de recolhimento.

 

 

Participe no Censo de Aves Comuns (CAC), um programa de monitorização a longo prazo de aves comuns nidificantes e dos seus habitats, em Portugal. Os dados que obtemos são importantes indicadores para informar políticas de ordenamento do território e conservação de natureza.

 

Se possui alguns conhecimentos de identificação de aves, mas principalmente se tem vontade de participar neste projeto, junte-se a nós. A sua contribuição é fundamental!

 

Requisitos

  • capacidade de identificação visual e auditiva das espécies de aves mais comuns
  • meios de transporte próprios

Não sabe se tem a experiência necessária? Contacte o coordenador do censo ou participe numa das nossas ações de formação.

 

Como participar

O Censo de Aves Comuns funciona numa base de participação voluntária de colaboradores de campo.

 

Para colaborar no Censo de Aves Comuns, contacte o Coordenador Regional da área onde pretende realizar o trabalho de campo:

 

O que terá de fazer

Ficará responsável por uma quadrícula UTM de 10×10 km. Após uma visita inicial para selecionar 20 pontos de escuta/observação, deverá visitar cada quadrícula duas vezes durante a primavera (em abril e maio, com um intervalo mínimo de 30 dias entre ambas).

 

Se possível, fará a amostragem das suas quadrículas nos anos seguintes, de forma a permitir uma monitorização continuada das aves e seus habitats. Se quiser, pode ficar responsável por mais do que uma quadrícula.

 

Detalhes e documentos

Mais informação sobre este censo, a sua metodologia e os resultados que já obtivemos